Windows, Mac, ou Linux?

O Windows domina o mercado de sistemas operacionais para computadores, mas a velha rivalidade com o Mac, iniciada nos anos 1980 persiste. E, dos anos 1990 para cá, o Linux entrou nessa briga. Confira a seguir as principais características de cada plataforma e veja qual é a mais adequada para você.

WINDOWS

O sistema
Presente em 92% dos computadores de todo o mundo, de acordo com dados da NetApplications, o Windows está disponível atualmente em três versões:  XP, Vista e 7. O Windows XP é o mais antigo, mas também o mais leve, sendo uma boa opção quando embarcado em netbooks (notebooks menos potentes, com telas de 13 polegadas ou menos). O Windows Vista deve ser evitado. Ele é mais lento do que o XP e mais antigo do que o Windows 7.

Reprodução
Windows 7: seis versões no mercado
Windows 7: seis versões no mercado

 

O Windows 7 é a versão mais moderna do sistema. Ele tem seis versões: Starter, Home Basic, Home Premium, Professional, Ultimate e Enterprise. As versões Home Basic e Home Premium são as mais adequadas para o usuário final e costumam ser incluídas em computadores e notebooks. Comprado separadamente, o Windows Home Basic custa cerca de R$ 300. A Microsoft tem em seu site uma tabela comparativa de recursos.

A principal desvantagem do Windows fica no aspecto da segurança. Por ser o sistema mais popular, o Windows também é o maior alvo de ataques de vírus. Por isso, é essencial manter um antivírus atualizado ao usar o sistema.

Para quem é
O Windows é o sistema recomendado para usuários em geral. A grande variedade de aplicativos e games faz com que o sistema seja adequado para os mais variados perfis de usuário.

MACINTOSH

O sistema
A plataforma Macintosh, da Apple, é composta pelos computadores da linha Mac e pelo sistema Mac OS, atualmente na versão 10.6 (Snow Leopard). Uma vantagem de se comprar um Mac é que ele também pode rodar Windows, por meio do aplicativo Boot Camp. O Boot Camp permite instalar o Windows em um Mac e faz com que o computador rode dois sistemas (ao ligar o micro, escolhe-se Mac OS ou Windows).

Reprodução
Mac OS: visual sofisticado
Mac OS: visual sofisticado

 

O design sofisticado é um dos maiores atrativos da linha Mac. O desktop iMac foi pioneiro ao unir CPU e monitor em uma só peça. Os notebooks da empresa, como o MacBook Air, também são reconhecidos pelo visual elegante. As principais desvantagens do Mac em relação a PCs com Windows são o preço (Macs em geral são mais caros do que PCs com configuração semelhante) e a pouca variedade de games.

Para quem é
O Macintosh é uma opção interessante para quem trabalha com artes gráficas, áudio e vídeo. Embora muitos dos aplicativos dessas áreas também existam para Windows, em boa parte das grandes empresas o desenvolvimento é feito na plataforma Macintosh.

O Mac é também a melhor opção para quem vive no “mundo Apple”. Aplicativos da empresa, como o navegador Safari e o gerenciador de áudio e vídeo iTunes, costumam ter melhor desempenho em Macs. E algumas convenções de interface são similares às usadas no iPhone.

LINUX

O sistema
Em sua versão mais básica, o Linux não possui nem interface gráfica, ou seja, é basicamente uma janela em que se digitam comandos para executar tarefas. A versatilidade do sistema faz com que ele esteja presente, em variadas formas, em dispositivos que vão desde celulares até servidores de grande porte.

Reprodução
Ubuntu: Linux com interface gráfica
Ubuntu: Linux com interface gráfica

 

A opção mais comum para usar o Linux em computadores ou notebooks está nas versões com interface gráfica. A mais popular delas é o Ubuntu Linux. Ele tem visual semelhante ao do Windows e vem com aplicativos básicos, como o Firefox e o pacote de escritório OpenOffice.

Como outras distribuições do Linux, o Ubuntu é grátis. Quem quiser apenas experimentar o sistema, sem instalá-lo, pode ainda baixar uma versão que roda a partir do drive de CD/DVD do PC.

Baixe o Ubuntu no Superdownloads

De modo geral, o Ubuntu Linux não tem problemas de conectividade com equipamentos de rede, como os modems de banda larga. Mas pode haver dificuldades na hora de instalar periféricos como multifuncionais e trocar dados com celulares e tocadores de MP3.

Assim como ocorre com o Macintosh, há poucos vírus para Linux. Por isso, de modo geral, a preocupação com segurança é menor.

Para quem é
A possibilidade de acessar o código-fonte do sistema e de seus aplicativos torna o Linux um sistema interessante para estudantes de programação e profissionais dessa área. O Ubuntu Linux é um sistema leve se comparado às versões mais novas do Windows. Por isso, pode ser uma boa alternativa para PCs mais antigos e lentos, usados apenas em tarefas básicas, como navegação e edição de textos e planilhas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s