O valor do 7

Semelhantes aos valores do Vista na época do seu lançamento, o Windows 7 e suas quatro versões, Home Basic, Home Premium, Professional e Ultimate, estão com um preço nada mal para o pacote de ferramentas oferecidas, veja:

Versão Preço
Home Basic R$ 329,00
Home Premium R$ 399,00
Professional R$ 629,00
Ultimate R$ 669,00

 

O meu é o W7 Ultimate,instalado ontem,demorou menos de 30 minutos …

Quem não tem cão…

 

 

 

Se você não pretende passar para esta nova versão do Windows, pelo menos tenha um gostinho do visual dele! Siga o passo-a-passo da matéria abaixo e o seu PC ficará com a cara do 7!

Desktop Mod – Windows 7

Raio X

O sistema começou a ser dvulgado como Windows 7 oficialmente em 2007, logo depois do lançamento oficial do Windows Vista, um dos mais criticados sistema da Microsoft. Além das mudanças visuais e de interatividade, a nova versão almeja ter mais compatibilidade com drivers de dispositivo, aplicativos e hardware. E, claro, mais velocidade.

Se você não sabe o que esperar de fato do Windows 7, veja essa matéria. Tem vídeos sobre os principais recursos visuais, listas com os  novos recursos implementados e recursos “deletados”. A premissa é boa, vejamos agora se poderemos criar uma boa expectativa com o novo sistema.

Barra de Tarefas

A nova barra de tarefas do Windows Seven possui um pouco mais de recursos do que o ícone e a já propagada “janelinha” (thumbnail) que surge ao passar o mouse sobre o aplicativo. Você também poderá maximizar ou fechar a tela do software apenas clicando na janelinha ou fixá-lo na barra de tarefas através do comando “pin this program in taskbar“. A grande vantagem é poder personalizar a barra com os aplicativos que você mais utiliza e não com os aplicativos padrões da Microsoft.

Aero Shake

Imagine ter diversas janelas abertas no Desktop. Agora imagine ter que minimizar todas com exceção de uma. No Windows 7, essa tarefa peculiar pode ser feita com muito mais facilidade. Basta clicar e arrastar a janela  que você deseja manter visível para os lados. Dessa forma, todas as outras janelas serão minimizadas automaticamente. Para restaurar as janelas minimizadas, basta fazer o mesmo. Simples né?

Jump List

Abrir os mesmos arquivos todo santo dia é uma tarefa tediosa, no mínimo. Com o Jump List, você poderá ter acesso ao histórico de sites frequentemente visitados, arquivos recentemente abertos ou programas favoritos com apenas um clique. Basta passar o mouse sobre o aplicativo desejado e ver quais arquivos foram abertos recentemente ou frequentemente.

Redimensionando janelas

Redimensionar ou esconder as janelas abertas no Desktop também ficou mais fácil. Se você arrastar uma janela para cima, ela maximizará automaticamente. Arrastando para os lados, a janela redimensionará de forma que ficará fácil colocar uma janela do lado da outra para efeitos de comparação.

Se clicar no pequeno retângulo, localizado ao lado do relógio, você poderá minimizar todas as janelas. Clicando no mesmo botão você poderá restaurá-las facilmente. Se passar o mouse sobre este botão, você poderá vê-las transparentes. Para efeito prático de organização, é um recurso muito bem-vindo.

Windows Explorer

A grande mudança do Windows Explorer é a presença do item “Libraries”, que nada mais é do que pastas virtuais para agregar tipos de arquivos diferentes (como vídeo, música, documentos, fotos e etc). A vantagem dessa forma de organização é que você poderá centralizar todos os arquivos nessa pasta. Não interessa em qual pasta ele realmente esteja armazenado. Pode ser até em pastas remotas, como a de um pendrive ou de um computador remoto, por exemplo.

Action Center

No Windows Vista todos os avisos do sistema aparecem de forma “gritante” quer queira ou não. Talvez, percebendo que isso incomoda alguns usuários, a Microsoft decidiu centralizar os avisos em apenas um local no Windows 7: Action Center. Essa nova área juntará todos os alertas do sistema para você não ser incomodado a todo o momento. Ou seja, a partir do Windows 7, você não será incomodado com determinados alertas o tempo todo. Além disso, a área centraliza opções de segurança, backup e configurações para os chatíssimos alertas de controle de usuário (UAC).

Outros Recursos

  • Boot mais rápido que o Windows Vista;
  • Suporte nativo a novos formatos multimídia: MP4, MOV, 3GP, AVCHD, ADTS, M4A e WTV;
  • Otimizado para traballhar com duas placas de vídeo ao mesmo tempo;
  • Ferramenta para gravar imagens de disco em ISO;
  • A área de notificação do Windows também ganhou novos ajustes. Para exibir ou não, basta acessar a área e definir qual você quer que apareça ou não. Entre as opções, você poderá escolher individualmente qual aparecer e desligar ou exibir todos. Ficou mais fácil editar as opções;
  • Nova interface para velhos aplicativos (Paint, WordPad);
  • Ampliação dos recursos touchscreen para diversos aplicativos. Caso tenha um Table PC, você poderá usufruir da capacidade “touch” em aplicativos como um piano virtual e até noPaint. A tendência é que sejam criados mais aplicativos com suporte a essa tecnologia. Similar ao iPhone, por exemplo;
  • WordPad com suporte para arquivos Office Open XMl (Office 2007) e ODF;
  • Desktop Slideshow: modifica o papel de parede do Desktop de tempo em tempo;
  • Aproveita melhor a capacidade processadores de mais de um núcleo (dual cores, por exemplo);
  • O campo de busca localizado no canto superior direito das janelas ganhou filtros para agilizar a pesquisa. Você poderá pesquisar pelos formatos, data de criação, tags e nome do arquivo.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s